Arquivo do mês: agosto 2014

ESPERTEZA

  Tenho vontade de – ponhamos amar por esporte uma loura o espaço de um dia.   Certo me tornaria brinquedo nas suas mãos.   Apanharia, sorriria mas acabado o jogo não seria mais joguete, seria eu mesmo.   E … Continuar lendo

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário

AIRE LIBRE

“Depois de ler um poema como esse, ou você tem uma crise de bronquite ou passa a respirar melhor. Cada um dos versos vai direto pros pulmões e provoca um tipo de sensação quase insuportável; deve ter gente que abandona … Continuar lendo

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário

JOÃO CARLOS ALBUQUERQUE, GRACILIANO RAMOS

  Hoje, no BATE BOLA da ESPN Brasil, o grande João Carlos Albuquerque comentou que estava lendo “Angústia”, do Graciliano Ramos. Lembrei que sempre achei o começo deste livro brilhante – uma pedrada, um monolito – um dos começos de livro mais … Continuar lendo

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário

UM MINUTO DE SILÊNCIO

Para o grande Nicolau Sevcenko. Poxa, que triste. Durante a faculdade de História, li maravilhado seu livro “Orfeu Extático na Metrópole”. Virou um clássico imediato para mim. Em todos os sentidos. Inclusive – e sobretudo, porque é disso que quero falar … Continuar lendo

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário